Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Dias Ferreira diz que Godinho Lopes devia "apresentar a sua demissão"

Lusa

  • 333

Lisboa, 23 jan (Lusa) -- O antigo presidente da Mesa da Assembleia-Geral (AG) do Sporting Dias Ferreira afirmou hoje que a discussão sobre a realização de uma reunião magna extraordinária provoca uma "agonia" e que o presidente Godinho Lopes deveria "pelo menos apresentar a sua demissão".

"Neste momento, pelo menos, apresentar a sua demissão e, depois, decidir se entende que deve candidatar-se a novas eleições. Acho que tem todo o direito e legitimidade para o fazer. Agora, isto é provocar uma agonia que não é boa para ninguém, nem para nada. Está à vista e era um serviço que prestaria ao clube", disse Dias Ferreira, em declarações à agência Lusa.

Apesar disso, o presidente da AG durante a presidência de José Eduardo Bettencourt, que se candidatou à liderança do clube nas eleições de 26 março de 2011, explicou que a reunião magna extraordinária pode ser convocada, não para votar a destituir a direção, mas para requerer a justa causa de ser convocada nova Assembleia-Geral.