Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Diálogo político na Tunísia com "reais possibilidades" de levar à democracia -- Embaixador

Lusa

  • 333

Lisboa, 29 out (Lusa) - O processo de diálogo político iniciado na segunda-feira na Tunísia, após meses de crise, tem "reais possibilidades" de abrir caminho a uma democracia, considerou hoje o embaixador de Portugal em Tunes, Luís Faro Ramos.

A razão para esse "otimismo", explicou o diplomata numa conferência em Lisboa, deve-se a "características únicas" da Tunísia no contexto árabe, como a "capacidade de diálogo", a "aversão à violência", umas "Forças Armadas equidistantes" e uma coligação de governo entre um partido islamita e dois partidos laicos.

Referindo, por outro lado, o "problema preocupante" do terrorismo 'jihadista' no país, "perigoso e imprevisível", Faro Ramos sublinhou contudo que as autoridades tunisinas estão conscientes dele e assumiram uma "abordagem pragmática" assente no "combate e prevenção" que tem permitido evitar ataques.