Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Detido na "manif" de 14 de novembro condenado a três anos de prisão com pena suspensa

Lusa

  • 333

Lisboa, 22 jun (Lusa) -- O Tribunal de Pequena Instância Criminal de Lisboa condenou hoje com pena de três anos, suspensa pelo mesmo período, um dos detidos frente à escadaria da Assembleia da República no protesto de 14 de novembro.

A juíza Conceição Moreno, da 3.ª Secção do 2.º Juízo, considerou que Leandro Silva, um dos nove detidos na manifestação do dia da greve geral, teve "uma conduta obviamente grave".

O jovem, com antecedentes criminais, era acusado dos crimes de desobediência, resistência e coação sobre funcionário na manifestação do dia da greve geral.