Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Desrespeito de sinal luminoso é causa provável de colisão de comboios na Suíça

Lusa

  • 333

Genebra, Suíça, 30 jul (Lusa) -- As investigações preliminares à colisão frontal entre dois comboios em Granges-près-Marnand, na segunda-feira na Suíça, revelam que um dos maquinistas não terá respeitado um sinal luminoso, disse hoje o porta-voz da polícia do cantão de Vaud.

Jean-Christophe Sauterel afirmou, em conferência de imprensa, que, neste momento, a "hipótese privilegiada" para a causa do acidente é "o não respeito de um sinal luminoso pelo maquinista proveniente de Payerne".

O porta-voz acrescentou que, "com a violência do choque, um dos comboios encolheu oito metros".