Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Desporto: Sporting -- Paulo Pereira Cristóvão demite-se e reitera inocência no "caso Cardinal"

Lusa

  • 333

Lisboa, 12 jun (Lusa) - O vice-presidente do Sporting para o Património apresentou hoje a demissão do cargo, alegando que escolheu o "timing" ideal para o fazer e que a decisão não está relacionada com o "processo Cardinal", no qual reitera inocência.

Numa curta declaração, Paulo Pereira Cristóvão lembrou que faz hoje dois meses que apresentou a suspensão de funções no seguimento do alegado caso de corrupção de um árbitro assistente e que sai do clube liderado por Godinho Lopes com a sensação do "dever cumprido".

"Há precisamente dois meses fui constituído arguido no âmbito do inacreditável processo Cardinal. A minha inocência em tudo isto é algo que ninguém me pode tirar. Estou de facto inocente e não hesito em reafirmá-lo as vezes necessárias. Mas a minha inocência e o meu bom nome não podem estar acima dos superiores interesses do Sporting", disse o ex-inspetor da Polícia Judiciária.