Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Despesas de PME com consultoria vão poder ser financiadas com fundos comunitários

Lusa

  • 333

Lisboa, 06 nov (Lusa) - As Pequenas e Médias Empresas (PME) vão poder beneficiar de apoios comunitários para pagar despesas com serviços de consultoria, apoio à inovação e proteção de propriedade intelectual, com um limite de 200 mil euros durante três anos.

A alteração ao regulamento do Sistema de Incentivos à Qualificação e Internacionalização de PME, hoje publicada no Diário da República, visa tornar elegíveis as despesas com este tipo de serviços e cria um "Vale Empreendedorismo" para apoiar empresas com menos de um ano na elaboração de planos de negócios e proteção e comercialização de direitos de propriedade intelectual e industrial.

O Vale Empreendedorismo tem um limite de 15 mil euros por projeto e pode ser usado juntamente com outros vales destinados a apoiar despesas com serviços de investigação e desenvolvimento (Vale Inovação), internacionalização (Vale Internacionalização) e energia ou ambiente.