Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Desemprego entre imigrantes de fora da UE foi o dobro do dos portugueses em 2012

Lusa

  • 333

Bruxelas, 07 jun (Lusa) - O desemprego em Portugal entre os imigrantes de fora da União Europeia foi de quase 30%, o dobro do registado entre os cidadãos portugueses em 2012, só ultrapassado pela Suécia, Bélgica, Grécia e Espanha, revela o Eurostat.

De acordo com uma análise sobre o mercado de trabalho na União Europeia em 2012, hoje divulgada pelo gabinete estatísticas comunitário, a taxa de desemprego em Portugal situou-se nos 15,6% entre os portugueses, subindo para os 16,6% entre os cidadãos de um outro Estado-membro e para os 28,9% entre os cidadãos de países que não pertencem à UE.

Comparando com os outros países da União Europeia, Portugal foi o quinto país onde os cidadãos de fora da União Europeia mais perderam o emprego em termos percentuais durante o ano passado.