Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Dependência da lenha aumenta pressão sobre floresta moçambicana

Lusa

  • 333

Chimoio, 09 jun (Lusa) - Pelo menos 74,3 por cento da população de Moçambique usa lenha como principal fonte de combustível, sobretudo para cozinhar, devido à ausência de energia elétrica, aumentando a pressão sobre as florestas, alertam as autoridades.

"O uso de combustível lenhoso é uma questão cultural, é aquele recurso que as comunidades sempre usaram, o maior problema é a forma como ultimamente isto tem acontecido", disse à Lusa Natércia Nhabanga, diretora provincial de Coordenação da Acção Ambiental (DPCA) de Manica.