Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Delegação sindical impedida de entrar num estaleiro do Mundial2022 de futebol

Lusa

  • 333

Doha, 09 out (Lusa) -- Uma delegação sindical internacional foi hoje impedida de aceder a um estaleiro perto de Doha, no âmbito de uma inspeção sobre as condições de trabalho dos emigrantes no Qatar, país organizador do Mundial de futebol de 2022.

"Não vos quero autorizar a visitar o local sem coordenação prévia", alegou um dos responsáveis pelo estaleiro, citado pela AFP, à delegação que queria realizar uma visita inopinada.

Como resposta, os sindicalistas recusaram fazer a visita prevista ao estaleiro de Lusail, 70 quilómetros a norte de Doha, que deve ser a sede do principal estádio do Mundial de 2022.