Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Defesa: Novo hospital militar a funcionar em pleno dentro de dois anos

Lusa

  • 333

Lisboa, 16 ago (Lusa)- Os quatro hospitais militares de Lisboa (Belém, Santa Clara, Lumiar e Estrela) são considerados extintos a partir de sexta-feira e o novo Hospital das Forças Armadas deve estar a funcionar em pleno "no prazo máximo" de dois anos.

Segundo o decreto-lei de criação do Polo de Lisboa do Hospital das Forças Armadas (HFAR), publicado hoje em Diário da República, "este processo de reestruturação hospitalar é um eixo essencial da política de saúde a desenvolver no âmbito militar" e ficará na dependência direta do ministro da Defesa Nacional durante "a fase transitória de concretização da fusão" e do chefe do Estado -Maior das Forças Armadas (CEMGFA) quando o processo estiver concluído.

"Em momento posterior será criado e implementado o Polo do Porto do HFAR, cujos estudos estão em curso", pode ler-se no documento.