Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Defesa: Lagardere rejeita fusão da europeia EADS com a britânica BAE Systems

Lusa

  • 333

Paris, 01 out (Lusa) -- O grupo Lagardere, principal acionista privado francês do consórcio aeronáutico e de defesa europeu EADS, rejeitou hoje o projeto de fusão com a britânica BAE Systems para criar o líder mundial do setor.

"Esse projeto, além do potencial industrial e estratégico que lhe é atribuído, não demonstrou até agora que seja criador de valor para a EADS", indicou o Lagardere num comunicado.

O grupo francês considera "insuficientes" as condições de fusão das duas empresas e pedem às respetivas direções para voltarem a examiná-las, "tendo melhor em conta o conjunto dos interesses do acionista francês de controlo da EADS".