Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Cuba: Obama elogia dissidente falecido em acidente; família quer morte investigada

Lusa

  • 333

Washington, 23 jul (Lusa) -- O presidente dos EUA prestou hoje homenagem ao opositor cubano Oswaldo Paya, falecido este domingo em Cuba num acidente automóvel, considerando-o um "campeão incansável" dos direitos humanos na ilha, noticia a AFP.

"Os pensamentos e as orações do Presidente são para com a família e os amigos de Oswaldo Paya, um campeão incansável dos direitos humanos e cívicos em Cuba", afirmou o porta-voz de Barack Obama, Jay Carney, em comunicado.

As autoridades cubanas asseguram que Paya morreu quando o carro, alugado, em que seguia se despistou e embateu numa árvore, a 20 quilómetros de Bayamo, localidade a 750 quilómetros a Leste da capital, mas os familiares e apoiantes suspeitam desta versão e reclamam uma investigação.