Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Cristiano Ronaldo não acredita que exista racismo nos estádios espanhóis

Lusa

  • 333

Madrid, 22 out (Lusa) - O futebolista Cristiano Ronaldo, do Real de Madrid, disse hoje que não acredita que exista "racismo" em Espanha, num comentário a declarações de José Mourinho, que aludiu a um "ódio real" quando lhe chamavam "filho da puta português".

O ex-treinador do Real de Madrid, atualmente no Chelsea de Londres, declarou recentemente que existe um sentimento de "ódio real" nas bancadas dos estádios espanhóis, enquanto em Inglaterra esse sentimento de animosidade é mais "irónico".

"Quando vais, por exemplo, a países como a Espanha e te dizem 'filho da puta português' sabes que é um sentimento profundo. Um ódio real. Estão a sentir o que dizem", afirmou Mourinho.