Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Crianças em risco sinalizadas por serviços de saúde aumentaram 25% em 2012

Lusa

  • 333

Lisboa, 16 out (Lusa) - Perto de 7.000 crianças e jovens em risco foram sinalizadas em 2012 pelos serviços de saúde, o que representa um aumento de 25% em relação ao ano anterior e de quase 100% face a 2010, segundo um relatório da Direção-Geral da Saúde (DGS).

De acordo com o documento elaborado pela Comissão de Acompanhamento da "Ação de Saúde para Crianças e Jovens em Risco" (ASCJR), o principal tipo de mau trato que motivou a sinalização foi a "negligência" (67%), em linha com o que já se vinha verificando em anos anteriores.

O relatório especifica que desde 2008 até ao final de 2012 o número de sinalizações registado evidenciou tendência de crescimento, num total de 24.169 casos, representando um valor médio anual de 4.847 casos.