Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Crédito malparado na banca angolana cresceu 83,5 por cento em 2012 -- estudo

Lusa

  • 333

Luanda, 23 out (Lusa) - O crédito malparado em Angola disparou de 2011 para 2012, aumentando 83,5 por cento naquele período, segundo um estudo da KPMG hoje divulgado em Luanda.

O estudo "Análise do Setor Bancário Angolano", elaborado pelo quarto ano consecutivo, destaca que 2012 "foi marcado por um aumento significativo (do crédito malparado) de cerca de 83,5 por cento face a 2011 - ampliando assim para 6,76 por cento o peso do crédito vencido no total de crédito concedido (4,60 por cento em 2011)".

Apresentado por Vítor Ribeirinho, responsável do Departamento de Auditoria de Serviços Financeiros da KPMG, o estudo demonstra que mais de dois terços dos ativos totais da banca angolana (78 por cento) são detidos por cinco bancos, entre um total de 19 instituições financeiras que colaboraram na elaboração do documento.