Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Corte de 500 ME na segurança abrange Justiça, MAI e Defesa - admite ministra da Justiça

Lusa

  • 333

Lisboa, 02 nov (lusa) - A ministra da Justiça admitiu hoje estar previsto um corte de 500 milhões de euros na área da segurança, mas observou que esse montante será repartido entre os ministérios da Justiça, Administração Interna e Defesa.

Falando à margem de um seminário sobre alterações ao Código Penal e Código de Processo Penal, realizado pelo Sindicato dos Magistrados do Ministério Público, Paula Teixeira da Cruz referiu que a Justiça contribuirá "objetivamente" para esse "esforço", estando o assunto a ser estudado.

A ministra confessou não gostar do termo "refundação do Estado Social", preferindo falar em "revisitar as funções do Estado", o que é "algo muito mais importante".