Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Coreógrafo australiano alega ter sofrido abusos sexuais de Michael Jackson

Lusa

  • 333

Los Angeles, 17 mai (Lusa) -- Um coreógrafo australiano alegou na quinta-feira, numa entrevista televisiva, ter sofrido abusos sexuais de Michael Jackson durante sete anos quando era criança.

Wade Robson, que testemunhou no julgamento de 2005 de Michael Jackson por abuso sexual de menores, alegando que o cantor nunca lhe tinha tocado, vem agora acusar o rei da 'pop' de pedofilia.

"Ele abusou de mim dos sete aos 14 anos", disse o ex-bailarino de 30 anos ao programa "Today" da NBC.