Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Controlo mais apertado na dispensa de medicamentos no hospital inclui penalizações

Lusa

  • 333

Lisboa, 11 dez (Lusa) -- Os doentes que recebem medicamentos no hospital para administração em ambulatório vão ser sujeitos a um controlo mais apertado, que inclui a sua identificação, e poderão ser penalizados pelos hospitais quando não cumprirem as condições de utilização desses fármacos.

Estas condições estão definidas numa circular normativa (01/CD/2012) da autoridade que regula o setor do medicamento (Infarmed) sobre os "procedimentos de cedência de medicamentos no ambulatório hospitalar".

Na circular lê-se que "apesar do número cada vez maior de doentes a quem são dispensados medicamentos para administração no domicílio e do aumento da despesa com estes medicamentos nos hospitais do Serviço Nacional de Saúde (SNS), a evolução da área da cedência de medicamentos em meio ambulatório não foi acompanhada por uma harmonização das normas e procedimentos associados ao ato de cedência".