Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Conta Geral do Estado: Desvios das previsões mostram que medidas eram desadequadas - CES

Lusa

  • 333

Lisboa, 22 set (Lusa) - O Conselho Ecómico e Social (CES) defende que os sucessivos desvios das previsões macroeconómicas de 2012 mostram que as medidas concretizadas eram desadequadas à realidade da economia e da sociedade portuguesas.

De acordo com o projeto de parecer do CES sobre a Conta Geral do Estado (CGE) 2012, a que a agência Lusa teve acesso, o ano de 2012 foi marcado pela manutenção de medidas de caráter recessivo, que provocaram "uma enorme contração da procura interna e, consequentemente, do PIB".

"Simultaneamente, a quebra de receitas fiscais e de contribuições sociais bem como o crescimento das despesas com prestações sociais -- em resultado de um forte aumento do desemprego e do empobrecimento generalizado das famílias -- determinaram uma evolução orçamental na qual que se destaca uma subida da dívida pública e dos encargos que lhe estão associados face ao ano anterior", diz o documento.