Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Constantino admite mandato "difícil" e quer ouvir governo sobre projeto olímpico

Lusa

  • 333

Lisboa, 26 mar (Lusa) -- José Manuel Constantino admitiu hoje que vai ter "quatro anos difíceis" na presidência do Comité Olímpico de Portugal e revelou a vontade de ouvir o governo sobre a alegada possibilidade do projeto olímpico passar para o IPDJ.

"É algo que não faz qualquer sentido. Seria um retrocesso do ponto de vista organizativo num momento em que o Estado se quer libertar de um conjunto de funções que já de si mobilizam trabalho e custos. Seria, portanto, um significativo retrocesso", vincou, falando sobre a eventualidade que a tutela não comenta.

Em declarações à Lusa, após vencer as eleições com 92 votos contra 67 de Marques da Silva, Constantino revela o desejo de falar com a tutela: "Quero tentar perceber qual é o entendimento que tem acerca desta matéria. Tem havido imenso ruído a volta da questão, mas em rigor não conheço a opinião do governo. Acho que é minha obrigação procurar sabe-la".