Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Conjuntura: Predisposição dos alemães para consumir sobe, apesar da crise europeia

Lusa

  • 333

Berlim, 26 jun (Lusa) - A predisposição dos alemães para consumir aumentou, apesar das preocupações com a crise europeia, segundo o índice para julho da Sociedade Para a Pesquisa do Consumo (GFK), publicado hoje, que passou de 5,7 para 5,8 pontos.

Os consumidores alemães esperam uma acentuada quebra do crescimento económico, mas também um aumento dos rendimentos, e por isso querem gastar mais em grandes aquisições, constataram os peritos da GfK.

"As turbulências na zona euro atenuaram claramente o otimismo dos alemães quanto à conjuntura, mas continuam a ver os riscos provenientes do estrangeiros apenas para a conjuntura, e não para a sua situação pessoal", comentou Rolf Buerkl, analista da BfK.