Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Conjuntura: Custos da mão-de-obra crescem 1,6% na zona euro, Portugal com terceira menor subida - Eurostat

Lusa

  • 333

Bruxelas, 17 set (Lusa) -- Os custos horários da mão-de-obra aumentaram a um ritmo anual de 1,6 por cento no segundo trimestre deste ano na zona euro e de 0,7 em Portugal, o terceiro mais baixo, revela hoje o Eurostat.

Os dados do gabinete de estatísticas da União Europeia mostram que o custo da mão-de-obra no conjunto da economia aumentou, na zona euro, a um ritmo anual de 1,6 por cento, um valor que compara com os 1,5 por cento registados no primeiro trimestre deste ano.

Já no conjunto da União Europeia (EU), os custos subiram 1,8 cento no segundo trimestre, contra 1,4 por cento no trimestre anterior.