Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Confirmada condenação de Hospital de Braga por parto negligente

Lusa

  • 333

Redação, 29 dez (Lusa) - O Tribunal Central Administrativo Norte (TCAN) recusou o recurso do Hospital de São Marcos, em Braga, referente e um caso de negligência num parto, manteve a indemnização a pagar à família de 450 mil euros, a que soma mais 150 mil de juros.

Segundo o acórdão, a que a Lusa teve hoje acesso, o tribunal confirma a sentença da primeira instância, considerando que a conduta da unidade de saúde foi negligente, obrigando Pedro Vilela a viver num estado vegetativo para o resto da vida, a cuidado dos pais.

O tribunal afirma que as lesões cerebrais verificaram-se enquanto a mãe e filho "estavam aos cuidados do hospital, durante, antes ou depois do parto, ou seja, quando os seus funcionários, em particular o pessoal médico, tinham o domínio da situação" e que, por isso, o hospital tinha "o dever de evitar qualquer evento danoso" na mãe ou no filho.