Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Confederação das Associações de Pais preocupada com a "fome que entra nas escolas"

Lusa

  • 333

Cantanhede, 10 nov (Lusa) - A Confederação Nacional das Associações de Pais (CONFAP) manifestou-se hoje "claramente preocupada" com a fome "que entra nas escolas" e alertou para o número crescente de famílias em dificuldades que não recebem qualquer apoio da Ação Social Escolar (ASE).

Durante a sessão do Conselho Geral daquela entidade que hoje decorre em Cantanhede, o presidente da CONFAP, Albino Almeida, aludiu a uma classe média "envergonhadíssima" que se vê obrigada a pedir apoios de que antes não necessitava, apontando as "dificuldades" que atingem famílias que viram o rendimento disponível cair mas não são elegíveis "para nenhum apoio" da ASE.

À margem do encontro, em declarações aos jornalistas, explicou que "para além da vergonha de ter de pedir esse apoio" as pessoas "têm de estar nas boas graças quer dos diretores das escolas, quer das autarquias", para conseguirem ter os filhos na escola, face às dificuldades que atravessam.