Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

CONFAP recorre a Provedor de Justiça face a "clima intolerável" na escola

Lusa

  • 333

Lisboa, 25 jun (Lusa) -- A Confederação Nacional das Associações de Pais (CONFAP) considerou hoje que existe atualmente um clima de instabilidade "inaceitável e intolerável" na escola pública, pelo que vai pedir a intervenção do provedor de Justiça.

Os pais defendem que o direito à educação deve ser elevado à condição de "desígnio nacional", criticando a instabilidade na escola pública no encerramento do ano letivo.

Em comunicado, a confederação enumera as greves aos exames e às avaliações, "o clima de instabilidade, a falta de equidade nas avaliações" e o que classifica de "consequências irreversíveis".