Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Concertação social: Pires de Lima (CDS) diz que aumento de impostos "é compreensível"

Lusa

  • 333

Lisboa, 24 set (Lusa) - O presidente do Conselho Nacional do CDS-PP, António Pires de Lima, disse hoje rever-se nas "explicações" do primeiro-ministro Passos Coelho para justificar "algum aumento de impostos" em 2013, que considerou "compreensível e entendível".

"Valorizo muito positivamente o anúncio que o senhor primeiro-ministro fez relativamente à TSU [Taxa Social Única] porque me parece que, de facto, era um caminho que estava a levantar fortes dúvidas aos empresários e uma grande contestação social", disse o também empresário, em declarações à Lusa.

"Quanto ao resto, acho que, independentemente dos esforços que vão ter de ser feitos no controlo da despesa pública, que são inevitáveis e que devem ser prioritários, também é compreensível e entendível, por muito que eu no passado tenha defendido o contrário, algum aumento de impostos, porque a situação orçamental assim o exige", acrescentou.