Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Companhias aéreas japonesas JAL e ANA deixam em terra todos os Boeing 787

Lusa

  • 333

Tóquio, 16 jan (Lusa) -- As duas companhias aéreas japonesas JAL e ANA deixaram hoje em terra todos os seus Boeing 787 Dreamliner, após mais um problema técnico com um dos aparelhos, o que constitui um "duro golpe" para o grupo construtor de aviões a jacto.

Durante o voo doméstico 692 da ANA, entre Yamaguchi Ube (oeste) e Tóquio, com 129 passageiros e oito tripulantes, ocorreu um incêndio num compartimento do Boeing 787, o que poderia ter como consequência que o avião se despenhasse.

Várias pessoas ficaram ligeiramente feridas, tendo saído de urgência, em Takamatsu, no Sul do país, pelas mangas do avião para a pista.