Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Comité de habitação social diz que pedidos duplicaram e defende maior rotação de famílias

Lusa

  • 333

Lisboa, 08 nov (Lusa) - O presidente do Comité Português de Coordenação de Habitação Social (CECODAHS.P) disse hoje que os pedidos duplicaram nos últimos 18 meses e defendeu a criação de uma legislação própria que possibilite uma maior rotação de famílias abrangidas.

"Como não temos instrumentos para fazer uma rotação de pessoas pelas casas, quem lá está fica, quem quer entrar e precisa não pode", frisou João Carvalhosa, em declarações à Lusa, à margem do III Congresso de Habitação Social, no ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa, que reuniu cerca de quatro centenas de pessoas.

Segundo João Carvalhosa, os pedidos de habitação social duplicaram nos últimos 18 meses, tendo triplicado em alguns municípios, "em parte por causa da crise", mas a situação já se vem a agravar há cerca de três anos.