Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Comissões bancárias resultam de "práticas completamente cartelizadas" - SEFIN

Lusa

  • 333

Lisboa, 15 fev (Lusa) - A Associação Portuguesa dos Utilizadores e Consumidores de Serviços e Produtos Financeiros (Sefin) considerou hoje, no parlamento, que há "práticas cartelizadas" nas comissões cobradas pelos bancos e defendeu uma "tipificação" para que estas taxas se tornem comparáveis entre as instituições.

"A margem resultante das comissões bancárias é resultante de práticas completamente cartelizadas, não há banco que não lance uma comissão que não venham outros bancos imediatamente lançar", disse hoje António Júlio de Almeida, da direção da Sefin, em audição na Comissão parlamentar de Orçamento e Finanças.

A associação que defende os consumidores de produtos financeiros está hoje a ser ouvida no Parlamento, em Lisboa, a propósito do projeto de lei proposto pelo Partido Socialista (PS) que coloca um limite às comissões e encargos cobrados pelos bancos.