Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Comissário Olli Rehn defende continuação das reformas e prevê dificuldades nos próximos meses

Lusa

  • 333

Bruxelas, 11 jan (Lusa) -- O comissário europeu para os Assuntos Económicos, Olli Rehn, defendeu hoje, em Bruxelas, a necessidade de continuar a concretizar reformas e advertiu que que os "próximos meses continuarão a ser difíceis".

"2012 foi um ano de crise, mas também foi um ano de progressos", durante o qual a zona euro mostrou a sua "resiliência política", afirmou Olli Rehn, num pequeno-almoço/debate, organizado pelo European Policy Center, em Bruxelas, sobre os próximos passos na resposta da União Europeia (UE) à crise.

Este ano, "temos de superar a crise e levar os progressos a um novo nível", defendeu o comissário europeu, apontando como prioridades a "manutenção do ritmo das reformas económicas", a melhoria da competitividade industrial, a consolidação orçamental e a aposta na reforma da união monetária.