Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Comissão de Saúde Materna quer jovens isentos de taxas moderadoras até aos 18 anos

Lusa

  • 333

Lisboa, 19 nov (Lusa) -- O presidente da Comissão Nacional da Saúde Materna, da Criança e do Adolescente defende a isenção de pagamento das taxas moderadoras nos centros de saúde para os jovens até aos 18 anos para aumentar o acesso a estes serviços.

Bilhota Xavier, que quarta-feira apresenta uma análise da evolução recente dos indicadores de saúde materna, da criança e do adolescente, durante uma reunião do organismo que dirige, disse à Lusa que há indicadores que devem orgulhar os portugueses.

A este propósito lembrou que, em 1960, Portugal era o país da Europa dos 27 com maior mortalidade infantil e que atualmente é um dos com menor mortalidade infantil.