Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Comércio: Jerónimo de Sousa defende mais "fiscalização" e "regulação" nas grandes superfícies

Lusa

  • 333

Horta, 14 jul (Lusa) -- O líder nacional do PCP, Jerónimo de Sousa, defendeu hoje mais "fiscalização" e "regulação" junto das grandes superfícies comerciais, que acusou de estarem a "arruinar" o pequeno comércio tradicional.

O dirigente comunista, que falava aos jornalistas no mercado municipal da Horta, ilha do Faial, no âmbito de uma visita que está a efetuar aos Açores, lembrou que os hipermercados funcionam, em relação ao pequeno comércio, como um "eucalipto", ou seja, "tudo o que está à volta, seca!"

Jerónimo de Sousa, que ouviu várias críticas dos lojistas do mercado municipal face à pressão dos hipermercados, lembrou que o comércio tradicional não tem capacidade para acompanhar as grandes superfícies, nem em relação às quantidades de produção que adquirem, nem em relação aos preços e aos horários praticados.