Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

COMENTÁRIO/Volta a Portugal: Os amigos Blanco e Marque já podem festejar

Lusa

  • 333

Leiria, 25 ago (Lusa) -- David Blanco tinha um sonho e o contrarrelógio de hoje, ganho pelo amigo Alejandro Marque (Carmim-Prio), tornou-o mais real ao consolidar uma amarela que, no domingo, será símbolo de recorde de vitórias na Volta a Portugal em bicicleta.

Leiria voltou a ser talismã para o espanhol de 37 anos que já aí tinha sido muito feliz em 2010, no dia em que praticamente conquistou a última das suas quatro vitórias na Volta a Portugal (2006, 2008, 2009 e 2010), e hoje voltou a sê-lo, com um quarto lugar no "crono" que lhe valeu 22 segundos de vantagem para o seu único verdadeiro rival, Hugo Sabido, e 57 para o colega da Efapel-Glassdrive, Rui Sousa, dono do último lugar do pódio.

"Perdi para um grande campeão". Derrota assumida pelo português da LA-Antarte, mas não por Blanco que, até cortar "o risco em Lisboa", nem quer ouvir falar de quinta conquista e muito menos de recorde de triunfos na prova portuguesa.