Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Começou quinto dia do julgamento do ex-dirigente chinês Bo Xilai

Lusa

  • 333

Jinan, China, 26 ago (Lusa) -- O quinto dia do julgamento do ex-dirigente chinês Bo Xilai começou hoje no Tribunal Intermédio de Jinan, este da China, com a continuação da análise da acusação de corrupção, má gestão de fundos e abuso de poder.

No domingo, após a análise das acusações de abuso de poder, Bo Xilai rebateu as acusações do seu antigo número dois, Wang Lijun, que acusou de ser um "mentiroso" depois do seu testemunho sábado em Tribunal.

Wang Lijun, que ao procurar asilo em fevereiro de 2012 num consulado norte-americano, acabaria por revelar suspeitas na morte do empresário britânico Neil Heywood em novembro de 2011 -- foi assassinado pela mulher de Bo Xilai, Ga Kailai -- e levou à queda de Bo Xilai, no maior escândalo político na China nos últimos anos.