Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Coimbra: Confraria retira imagem de santa de capela-mor para não ser afetada por insetos xilófagos

Lusa

  • 333

Coimbra, 19 set (Lusa) - A Confraria da Rainha Santa de Coimbra retirou a imagem da santa da capela-mor da igreja do mosteiro de Santa Clara-a-Nova para evitar que seja atacada por insetos, disse hoje à Lusa o presidente António Rebelo.

"A imagem foi retirada como medida cautelar, depois de termos detetado vestígios de corrosão provocada pelos insetos xilófagos na talha de toda a capela-mor", explicou o presidente da confraria, referindo que a figura da padroeira de Coimbra foi colocada no coro alto, noutra zona do mosteiro, que está classificado como monumento nacional.

Em declarações à agência Lusa, António Rebelo afirmou que existem "sinais" de corrosão nas talhas, depois de numa última análise "terem sido detetados vestígios em toda a capela-mor", incluindo em duas outras imagens, de Santa Clara e São Francisco, que foram também retiradas e isoladas.