Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Clube futebol tunisino sai do campeonato por suspeita ingerência política na arbitragem

Lusa

  • 333

Tunes, 11 mar (Lusa) -- Um clube de futebol tunisino, da primeira divisão, anunciou hoje a sua retirada do campeonato, em protesto contra "as injustiças da arbitragem" e outro ameaçou fazer o mesmo, em contexto de tensão entre as equipas e a federação.

"Decidimos abandonar o campeonato e avisámos o ministro do Desporto e o presidente da Federação tunisina do Desporto da nossa decisão", afirmou à rádio Mosaique-FM o vice-presidente do clube ES Gafsa, no cento do país, Khaled Bennur.

O clube, que está no oitavo e último lugar da série B da Primeira Liga, acusou a direção do Clube Desportivo de Hammam-Lif, nos arredores da capital, de usar as relações estreitas com o partido islamita Ennahda para fazer pressão sobre o árbitro, no domingo, para que anulasse um golo marcado pela equipa de Gafsa.