Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Cinco suspeitos de violação coletiva em Nova Deli declaram-se inocentes

Lusa

  • 333

Nova Deli, 02 fev (Lusa) - Cinco homens suspeitos da violação coletiva de uma jovem indiana que acabou por morrer dos ferimentos declararam-se hoje inocentes num caso que chocou a Índia e motivou enormes manifestações.

A jovem estudante de fisioterapia, de 23 anos, foi brutalmente violada e agredida por seis pessoas num autocarro em Nova Deli quando regressava do cinema acompanhada por um amigo, que também foi agredido, e acabou por morrer dos ferimentos, duas semanas depois, num hospital de Singapura.

Hoje, cinco dos seis suspeitos - o sexto será julgado num tribunal de menores - foram acusados de crimes que incluem homicídio, violação coletiva e sequestro num julgamento especial para que seja rápido a chegar a uma sentença.