Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Cimeira das monarquias do Golfo abre com apelo a maior integração económica

Lusa

  • 333

Manama, 24 dez (Lusa) -- A cimeira anual das monarquias árabes do Golfo abriu hoje em Manama com um apelo para uma maior integração económica e unidade face à turbulência que afetou grande parte do Médio Oriente.

O rei Hamad do Bahrein, país anfitrião da cimeira, apelou ao Conselho de Cooperação do Golfo (CCG) para proporcionar "uma segurança aos seus povos", tendo pedido "complementaridade económica" entre os seus seis Estados.

O príncipe Salman Bin Abdul Aziz da Arábia Saudita, por seu turno, fez um apelo à unidade.