Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Cidadãos querem União Europeia que antecipe problemas e crises - Paulo Portas

Lusa

  • 333

Lisboa, 12 nov (Lusa) - O ministro do Estado e dos Negócios Estrangeiros disse hoje que os cidadãos pretendem que a União Europeia (UE) antecipe problemas e crises, cenário que a atual turbulência em torno da moeda única trouxe ao de cima.

"As crises financeiras tornaram claro que não é coerente termos uma mesma moeda e demasiadas políticas económicas sem a respetiva coordenação. Os factos também testemunharam que os cidadãos na Europa querem uma União que antecipa os problemas e não apenas que reaja às suas consequências", disse Paulo Portas num encontro empresarial luso-alemão no Centro Cultural de Belém (CCB), em Lisboa.

O ministro advertiu também para os perigos de um eventual corte no orçamento europeu plurianual, defendendo a importância do orçamento, para mais num país a braços com um programa de ajustamento económico.