Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Cidadão chinês reivindica ilhas Diaoyu no monte Fuji em aventura que acabou em hospital japonês

Lusa

  • 333

Pequim, 03 out (Lusa) -- Um cidadão chinês com o seu filho de quatro anos escalou o monte Fuji, no Japão, onde desfraldou uma bandeira para reivindicar a soberania chinesa sobre as il,hás Diaoyu/Senkaku, numa aventura que acabou com os dois a receberem tratamento médico.

De acordo com uma noticia da agência China News, He Liesheng, que este ano surgiu na imprensa por ter obrigado o filho, Duoduo, a correr despido na neve, subiu ao pequeno vulcão japonês -- cujo cume está a 3.776 metros -- e, no cimo, fotografou a criança com uma pequena bandeira em que assinalava que as ilhas Diaoyu, para a China, ou Sekaku, para o Japão, eram chinesas.

A aventura, no entanto, quase acabou em tragédia já que devido à inadequada preparação para escalar um monte de ascensão e condições climatéricas adversas, pai e filho tiveram de receber tratamento médico japonês devido a problemas de desidratação.