Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ciclismo: Volta a Espanha -- O candidato, o estreante e o trabalhador

Lusa

  • 333

Lisboa, 17 ago (Lusa) -- Seis portugueses estarão no arranque da 67.ª Volta a Espanha arrancar em Pamplona, entre os quais um candidato à geral da terceira grande corrida velocipédica mundial, um estreante com grandes ambições e um trabalhador nato.

Os "contemplados" com o bilhete de acesso à Vuelta são Manuel Cardoso, o experiente "sprinter" com três anos de pelotão internacional, Hernâni Broco, um dos eternos candidatos ao pódio da Volta a Portugal, André Cardoso, o trepador que há um ano foi "vice" da prova portuguesa, todos da Caja Rural, Bruno Pires e Sérgio Paulinho, gregários do regressado Alberto Contador na Saxo Bank, e Tiago Machado, o homem da RadioShack que ficou em sétimo no contrarrelógio de Salamanca no ano passado.

Entre os portugueses, as diferenças de missão são claras: uns vão para trabalhar, outros para ganhar. Do primeiro lote faz parte Sérgio Paulinho. Tido como um dos melhores trabalhadores do ciclismo atual, o corredor da Saxo Bank confessou à agência Lusa que as suas expectativas para a Vuelta são "ajudar o Alberto [Contador] a vencer".