Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ciclismo: Mundiais - A camisola arco-íris mantém-se com Tony Martin

Lusa

  • 333

Valkenburg, Holanda, 19 set (Lusa) -- O ciclista alemão Tony Martin manteve hoje a camisola arco-íris de campeão do mundo de contrarrelógio, depois de levar a melhor no duelo com Taylor Phinney, vencendo por apenas cinco segundos e em estado de exaustão.

O ciclista de 27 anos cumpriu os 45,7 quilómetros entre Heerlen e Valkenburg, no sul da Holanda, em 58.38 minutos, com uma média de 46,8 km/h, para conquistar a sua quarta medalha desde 2009 em campeonatos mundiais (aos títulos de 2011 e 2012 há que juntar o bronze em 2009 e 2010).

Rei incontestável da especialidade no ano passado, Tony Martin voltou hoje ao sucesso velocipédico depois de uma temporada mais discreta, em que teve "apenas" três vitórias no "crono".