Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Chumbo/TC: Nuno Amado espera equilíbrio de direitos do privado e do público

Lusa

  • 333

Lisboa, 06 mai (Lusa) - O chumbo do Tribunal Constitucional a medidas do Orçamento do Estado levou o Governo a apresentar alternativas que, segundo Nuno Amado, presidente do BCP, devem equilibrar os direitos dos trabalhadores dos setores público e privado.

"É importante aproveitar para equilibrar o mais possível os direitos do privado e do público", disse o banqueiro numa conferência de imprensa, em Lisboa, salientando que falava em nome pessoal e não da instituição.

"Não posso, nem devo comentar as novas medidas de austeridade. São reflexo de ter havido uma decisão do Tribunal Constitucional que não foi de todo neutra no que toca à proposta inicial do Orçamento do Estado", sublinhou.