Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Chrysler rejeita indicação de agência segurança rodoviária EUA para chamar jipes

Lusa

  • 333

Washington, 04 jun (Lusa) -- A Chrysler rejeitou hoje uma indicação de uma agência federal norte-americana de segurança rodoviária de chamar para inspeção 2,7 milhões de jipes por causa de um risco de incêndio no motor, que já causou vários mortos.

O fabricante destes veículos desportivos utilitários (SUV, na sigla em inglês) confirmou a receção de uma carta da Autoridade Nacional de Segurança do Tráfego Rodoviário (NHTSA, na sigla em inglês), em que lhe é requerida a chamada dos modelos do Jeep Grand Cherokee dos anos 1993 a 2004 e do Jeep Liberty, dos anos 2002 a 2007.

"A empresa não concorda com as conclusões da NHTSA e não tenciona chamar os veículos mencionados. Esses veículos são seguros e não têm defeitos", argumentou a Chrysler, proprietária da Jeep, em comunicado.