Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Chipre: Presidente da Grécia considera acordo com Eurogrupo "inadmissível"

Lusa

  • 333

Atenas, 25 mar (Lusa) -- O Presidente da Grécia, Carolos Papoulias, qualificou hoje como "inadmissível" o acordo alcançado entre o Eurogrupo e o Governo cipriota sobre o resgate financeiro a Chipre, após defini-lo como discriminatório.

"Nestes momentos os nossos pensamentos estão com Chipre, que está a sofrer. A decisão da União Europeia é inadmissível porque é discriminatória", declarou Papoulias aos 'media' gregos no final de um desfile militar durante a Festa Nacional que celebra a emancipação do país face ao império otomano, comemorada em simultâneo na ilha mediterrânica.

"A União Europeia deveria ser um abrigo para os débeis" em vez de "selecionar as suas vítimas seguindo critérios que apenas ela conhece", acrescentou o Presidente grego.