Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

China/PC: Milhares de jornalistas, uma nova liderança na forja e o secretismo de sempre

Lusa

  • 333

Pequim, 11 nov (Lusa) - A agência noticiosa oficial chinesa Xinhua destacou 180 profissionais para a cobertura do 18.º Congresso do Partido Comunista Chinês (PCC), que decorre até quarta-feira: parecem muitos, mas não chegam a dois por cento dos efetivos da empresa.

Como quase tudo na China, os números associados ao "maior acontecimento da vida política chinesa" são colossais, a começar pelo próprio PCC, que tem cerca de 84 milhões de filiados - mais do que a população da Alemanha.

Devido aos 16 fusos horários entre a China e a costa oeste dos Estados Unidos, o início da reunião ocorreu apenas um dia depois das eleições presidenciais norte-americanas. Mesmo assim, atraiu mais de mil jornalistas estrangeiros, quase o dobro dos que acompanharam o 17.º Congresso, em 2007.