Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

China: 40 feridos em conflito envolvendo funcionários de uma fábrica da Foxconn

Lusa

  • 333

Pequim, 24 set (Lusa) -- A empresa Foxconn suspendeu hoje a produção de uma fábrica no norte da China, na sequência de confrontos que envolveram até 2.000 funcionários e causaram 40 feridos.

A informação foi avançada à agência noticiosa espanhola Efe pela própria empresa que hoje decidiu suspender a produção naquela unidade fabril.

"Decidimos fechar e aguardar que as autoridades chinesas nos confirmem que está tudo sob controlo", afirmou o porta-voz da empresa, Simon Hsing, a partir de Taiwan, sede da firma, ao indicar que na origem dos confrontos terão estado "motivos pessoais".