Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

CGTP exige inquérito à subconcessão dos estaleiros alegando favorecimento a privados

Lusa

  • 333

Viana do Castelo, 30 nov (Lusa) - O secretário-geral da CGTP, Arménio Carlos, exigiu hoje um inquérito à subconcessão dos Estaleiros Navais de Viana do Castelo (ENVC) ao grupo Martifer por suspeita de "favorecimento" ao setor privado com este negócio, reclamando a sua suspensão.

"As instituições que funcionam em Portugal têm que tomar uma posição sobre este assunto. O Ministério Público, o senhor Presidente da República ou a Assembleia da Republica, alguém que tome posição no sentido de parar com este processo. Averiguem, façam inquéritos, porque há aqui coisas muito nebulosas", disse hoje Arménio Carlos num encontro com trabalhadores da empresa.

O líder da CGTP afirmou que o processo que culminou esta semana com a adjudicação da subconcessão dos terrenos e infraestruturas dos ENVC à Martifer, e consequente encerramento da empresa pública, "não está a ser feito com transparência e clareza".