Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Centro-esquerda favorito nas eleições em Itália mas Berlusconi ameaça governabilidade

Lusa

  • 333

Roma, 22 fev (Lusa) - Perto de 51 milhões de italianos escolhem, no domingo e na segunda-feira, um novo governo, num escrutínio em que o favorito é o Partido Democrata, de centro-esquerda, de Pier Luigi Bersani.

Mas o crescente apoio à aliança de centro-direita de Silvio Berlusconi pode levar à ingovernabilidade do país, consideraram observadores.

O crescimento económico, a revisão do sistema fiscal e a redução da dívida - mais de 120% do Produto Interno Bruto - são os três principais desafios para o governo italiano que sair destas eleições e que vai suceder ao executivo tecnocrata de Mario Monti, que se candidata ao posto de primeiro-ministro, pela primeira vez através da escolha dos eleitores.