Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

CDS-PP diz que Governo não pode prescindir de disponibilidade para negociar com o PS

Lusa

  • 333

Lisboa, 14 abr (Lusa) - O porta-voz do CDS-PP, João Almeida, afirmou hoje que o partido está disponível para o diálogo com o PS e que o Governo não pode prescindir dessa disponibilidade para negociar, que tem de ser "real" de "ambas as partes".

"É necessária disponibilidade real de ambas as partes, o discurso é apenas uma consequência da existência ou não dessa disponibilidade real para negociar. Acho que o Governo não pode prescindir dela e acho que o Partido Socialista não pode ver nenhum interesse numa radicalização que não leva o país a nenhuma consequencia positiva", afirmou João Almeida.

No final da reunião do Conselho Nacional do CDS-PP, em que foi reafirmada "a importância da concertação política e social", João Almeida transmitiu que o partido valorizou, "de forma muito significativa, o papel desempenhado pela UGT" e assinalou que o papel do PS, "radicalizando o debate político, mostrando-se indisponível para consensos, prejudica em muito aquele que deve ser o processo seguido por Portugal, de um ajustamento sereno".